Apoio e satisfação social de cuidadores primários de crianças com paralisia cerebral

Tatiana Afonso, Fernando Augusto Ramos Pontes, Simone Souza da Costa Silva

Resumo


O presente estudo teve por objetivo analisar a satisfação com os apoios sociais disponíveis a cuidadores primários de crianças com PC. Participaram 101 cuidadores de crianças de 0 a 12 anos com paralisia cerebral. Instrumentos: Escala de Apoio Social, Escala de Satisfação com o Suporte Social, Inventário Sociodemográfico e Sistema de classificação da Função Motora Grossa. Procedimentos de análise: ANOVA, teste Qui-QUADRADO, correlação de Pearson e Teste de Correlação. Resultados: satisfação familiar apresentou o mais alto nível de satisfação seguido por satisfação com os amigos, satisfação íntima e atividades sociais. Os apoios estiveram relacionados positivamente aos diferentes tipos de satisfação. Os cuidadores de crianças mais velhas relataram menor apoio informacional e aqueles que cuidavam de crianças mais comprometidas relataram menor satisfação com a intimidade. Entretanto, o nível de satisfação geral se mostrou alto devido à alta satisfação com a família, resultado positivo na avaliação de famílias de crianças com PC.

Palavras-chaves: famílias de criança com deficiência; saúde do cuidador primário; redes de suporte; educação especial; reabilitação.


Texto completo:

PDF PDF (English)


ISSN 1980-6906 (on-line)