Cidades para Tempos Novos: Urbanismo e Planejamento no Século XXI

Jorge Wilheim

Resumo


O texto aqui apresentado é a última reflexão por escrito produzida por Jorge Wilheim, bruscamente interrompida em 29 de Novembro de 2013. É composto pela introdução e o capítulo final de um livro que não chegou a se concluir, editado por Ivan Carlos Maglio. Trata-se de um autoquestionamento acerca da eficácia dos Planos Diretores (PD) como instrumentos de planejamento das cidades brasileiras. Tendo elaborado dezenas de PDs ao longo de mais de sessenta anos, referenciados e inovados a partir da experiência de Curitiba (1964), o autor se pergunta se estariam de fato contemplados, na estrutura básica destes documentos: as necessidades de desenvolvimento e qualificação urbana; soluções para as transformações decorrentes da globalização e instantaneidade das comunicações; para a contenção da violência destrutiva que emerge nos tecidos urbanos em constante expansão. Wilheim retoma então as qualidades básicas do sentimento de viver na cidade - sentir-se abrigado, saudável, protegido e livre – como base para a busca da “cidade boa do século XXI”. Encontra nos espaços públicos, nos trajetos a pé e nas escalas intersticiais entre um e outro, as condições para a criação de lugares significativos na vida do cidadão comum. Em sua parte final, o texto descreve as bases do Programa de Desenvolvimento Urbano (ProdUrb), um instrumento para nortear as atividades de melhorias dos municípios, que deveria substituir gradualmente os Planos Diretores Vigentes, podendo ser estabelecido por lei municipal.

Palavras-chave


eficácia dos Planos Diretores; planejamento das cidades brasileiras; lugares significativos

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Jorge Wilheim