A Gestão de Áreas Contaminadas no Contexto na Resiliência

Nathalia da Mata Mazzonetto Pinto, Gilda Collet Bruna

Resumo


Dentro das discussões sobre a sustentabilidade das cidades, muito tem se falado sobre resiliência, com maior enfoque sobre as medidas de mitigação para cidades que correm riscos de desastres, isto é, deslizamentos, enchentes, entre outros eventos de origem natural. No entanto, existem outras formas de eventos que podem comprometer a integridade das cidades, que se originam em ações humanas, que merecem maior atenção, como a contaminação do solo. Neste artigo, focaliza-se a contaminação do solo como desastre antropogênico, e a importância da reconversão de áreas contaminadas como um fator para o desenvolvimento da resiliência urbana e qualidade de vida, levando em consideração a inclusão do manejo sustentável do solo, dentro do contexto da sustentabilidade discutida atualmente. 


Palavras-chave


Resiliência; Sustentabilidade Urbana; Contaminação do solo; Brownfields; Desindustrialização

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Nathalia da Mata Mazzonetto Pinto, Gilda Collet Bruna