Políticas educacionais e Psicologia: Uma revisão da literatura

  • Carolina Martins Moraes Universidade Federal do Piauí - UFPI
  • Leilanir de Sousa Carvalho Universidade Federal do Piauí-UFPI
  • Tatiane dos Santos Costa Universidade Federal do Piauí-UFPI
  • Fauston Negreiros Universidade Federal do Piauí-UFPI
  • Sandra Elisa de Assis Freire Universidade Federal do Piauí - UFPI/CMRV

Resumo

Trata-se de uma revisão de literatura sobre os estudos das políticas educacionais e sua relação com a Psicologia Escolar e Educacional. O estudo é de natureza exploratório-descritiva. Após o refinamento a partir dos critérios de inclusão/ exclusão, restaram 23 artigos categorizados de acordo com os aspectos gerais (ano de publicação e país de origem do estudo) e quanto ao foco dos estudos encontrados. Pode-se constatar que houve um aumento de pesquisas sobre o fenômeno a partir de 2011 e que a maioria dos estudos era originária de países da América Latina, principalmente do Brasil. A maioria dos estudos abordou unicamente políticas educacionais, contudo houve também pesquisas correlacionadas com outras políticas. A investigação quanto à intercessão entre políticas educacionais e Psicologia Escolar e Educacional ainda é incipiente.
Palavras-chave: políticas públicas; políticas educacionais; Psicologia Educacional; Psicologia Escolar; atuação do psicólogo.

Biografia do Autor

Carolina Martins Moraes, Universidade Federal do Piauí - UFPI
Psicóloga. Mestranda em Psicologia na Universidade Federal do Piauí - UFPI/CMRV
Leilanir de Sousa Carvalho, Universidade Federal do Piauí-UFPI
Psicóloga. Mestranda em Psicologia na Universidade Federal do Piauí -UFPI/CMRV
Tatiane dos Santos Costa, Universidade Federal do Piauí-UFPI
Pedagoga. Mestranda em Psicologia na Universidade Federal do Piauí - UFPI/ CMRV
Fauston Negreiros, Universidade Federal do Piauí-UFPI
Mestre e Doutor em Educação pela Universidade Federal do Ceará. Professor-pesquisador adjunto IV do Departamento de Psicologia, do Programa de Pós-Graduação (Stricto Sensu) em Psicologia e do Programa de Pós-Graduação (Stricto Sensu) Ciência Política da Universidade Federal do Piauí - UFPI. 
Sandra Elisa de Assis Freire, Universidade Federal do Piauí - UFPI/CMRV
Mestra e Doutora em Psicologia pela Universidade Federal da Paraíba - UFPB. Professora Adjunta III do Departamento de Psicologia da Universidade Federal do Piauí  e professora pesquisadora do Programa de Pós-Graduação (Stricto Sensu) em Psicologia - UFPI. Psicóloga Clínica Sistêmica Familiar.
Publicado
2019-10-17
Seção
Psicologia e educação