Memória de trabalho, senso numérico e desempenho em aritmética

Luciana Vellinho Corso

Resumo


As relações entre a memória de trabalho (MT) e o desempenho em matemá- tica são discutidas na literatura, contudo são controversos os resultados sobre quais componentes da MT exercem maior influência à competência numérica. As relações entre o senso numérico (SN) e a MT são mais recentes. O presente estudo objetivou correlacionar (Spearman) a MT (componente executivo central – informação numérica e não numérica; e componente fonológico – repetição de dígitos, frases, relatos), o desempenho aritmético (subteste aritmético TDE) e o desempenho em SN (Teste de Conhecimento Numérico). Participaram 79 alunos, do 4º ao 7º ano do Ensino Fundamental, com desempenho aritmético baixo e mediano. Melhor desempenho no executivo central correlacionou-se a uma melhor performance no SN e na aritmética, e o mesmo não foi evidenciado para o componente fonológico. Implicações educacionais derivam da ampliação de conhecimentos nessa área. É ressaltada a importância de maior uniformidade nos instrumentos que avaliam esses domínios.

Texto completo:

PDF PDF (ENGLISH)


ISSN 1980-6906 (on-line)