“Cavalo pálido, cavaleiro pálido”, de Katherine Anne Porter

A jornada de Miranda para o autoconhecimento

  • Célia Helene Guimarães Universidade Presbiteriana Mackenzie (UPM), São Paulo, SP
Palavras-chave: A jornada do herói, Iniciação, Alusão

Resumo

O presente trabalho discute o conto “Cavalo pálido, cavaleiro pálido”, de Katherine Anne Porter como a jornada da protagonista Miranda na direção do autoconhecimento por meio de uma descida simbólica ao inferno, ocasionada pelo delírio febril quando acometida pela gripe espanhola, seguida de uma breve passagem pelo purgatório, representada pela brancura do hospital, e de uma visita ao paraíso durante o coma a que a doença a conduziu.
Publicado
2019-08-26
Como Citar
Guimarães, C. H. (2019). “Cavalo pálido, cavaleiro pálido”, de Katherine Anne Porter. Cadernos De Pós-Graduação Em Letras, 19(2). Recuperado de http://editorarevistas.mackenzie.br/index.php/cpgl/article/view/12372