Determinação de Sulfeto de Hidrogênio em Gás Natural via Cromatografia Gasosa com detecção de Quimiluminescência

Márcia Guekezian, Cleber B. da Costa

Resumo


O petróleo é uma mistura complexa de ocorrência natural, constituído por hidrocarbonetos e, em menor quantidade, compostos contendo enxofre, nitrogênio, oxigênio e metais. Para a determinação da concentração das impurezas presentes no gás natural, utilizou-se a técnica de cromatografia gasosa. Este trabalho avaliou a concentração do sulfeto de hidrogênio (H2S), que é um dos contaminantes do gás natural, por meio da técnica analítica de cromatografia gasosa, em que se utilizou o detector de quimiluminescência de enxofre, e verificou que a concentração desta substância atende à norma de comercialização estabelecida pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).


Palavras-chave


Petróleo, Gás natural, Cromatografia, Quimiluminescência

Texto completo:

PDF

Referências


AFONSO, J. C.; PEREIRA, K. S. Análise de compostos sulfurados em efluentes gasosos de refinaria de petróleo. Química Nova, Rio de Janeiro, v. 33, n. 4, p. 957‑963, 2010.

AMERICAN SOCIETY FOR TESTING AND MATERIALS. Standard test method for determination of sulfur compounds in natural gas and gaseous fuels by gas chromatography and chemiluminescence. Norma ASTM D 5504. West Conshohocken, PA: ASTM, 1998.

BISPO, L. H. O. Análise composicional, poder calorífico superior e metodologia de cálculo de royalties do gás natural produzido no Campo de Rio Urucu, no Amazonas. 2011. Dissertação (Mestrado em Ciências)–Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2011.

CIENFUEGOS, F.; VAITSMAN, D. Análise instrumental. Rio de Janeiro: Interciência, 2000. 606 p.

CIOLA, R. Introdução à cromatografia em fase gasosa. São Paulo: Edgar Blucher, 1973. 231 p.

COHN, P. E. Analisadores industriais: no processo, na área de utilidades, na supervisão da emissão de poluentes. Rio de Janeiro: Interciência; IBP, 2006. 788 p.

COLLINS, C. H.; BRAGA, G. L.; BONATO, P. S. Introdução a métodos cromatográficos. 7. ed. Campinas: Editora Unicamp, 1997. 279 p.

CONFORT, M. J. F. Estocagem geológica de gás natural e seus aspectos técnicos e regulatórios internacionais. 2006. Dissertação (Mestrado em Ciências)–Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2006.

FARIAS R. F. Introdução à química do petróleo. Rio de Janeiro: Ciência Moderna, 2008. 106 p. MELLO, D. Caracterização do resíduo sólido formado em motor automotivo a gasolina por meio de técnicas analíticas. 2008. Dissertação (Mestrado em Engenharias de Materiais)–Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares, São Paulo, 2008.

MELO, E. M. Estabilidade de emulsões de petróleo em sistemas pressurizados. 2007. Dissertação (Mestrado em Engenharia de Processos)–Universidade Tiradentes, Aracaju, 2007.

MOREIRA, F. S. Alternativas tecnológicas para a maximização da produção de olefinas leves a partir de petróleos pesados. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Química com ênfase na área de petróleo e gás natural)–Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2006.

MOURA, M. B. R. Desasfaltação de resíduo de vácuo oriundo de petróleo pesado utilizando blendas de solventes. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Química com ênfase na área de petróleo e gás natural)–Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2008.

PANTOJA, C. E. Análise de viabilidade técnica e econômica de tecnologias de processamento de gás natural. 2009. Dissertação (Mestrado em Processos Industriais)–Instituto de Pesquisas Tecnológicas, São Paulo, 2009.

SKOOG, D. A.; HOLLER, F. J.; NIEMAN, T. A. Princípios de análise instrumental. 5. ed. Porto Alegre: Bookman, 2002. 836 p.