PERFIL ANTROPOMÉTRICO DE ATLETAS CATARINENSES DE GINÁSTICA RÍTMICA

Anderson Simas Frutuoso, Cecilia Stähelin Coelho, Maria Helena Kraeski

Resumo


O estudo teve como objetivo investigar o perfil antropométrico de atletas catarinenses de ginástica rítmica. Participaram 59 atletas, vinculadas à Federação de Ginástica de Santa Catarina, com idade média de 11,2 anos. Coletaram?se dados referentes à massa corporal, estatura e estatura tronco-encefalica, os quais foram analisados e convertidos, segundo os padrões propostos por Vankov (1983) e pela World Health Organization (Organização Mundial de Saúde – WHO, 2010). Os resultados indicaram conformidade de 62,71% das atletas com o perfil exigido. Além disso, 86,44% apresentaram estado nutricional de eutrofia. Os perfis encontrados tendem a ser favoráveis por traduzirem o biótipo ideal da modalidade e, aparentemente, afastarem a existência de distúrbios alimentares entre as atletas.

Palavras-chave: ginástica rítmica; estado nutricional; iniciação esportiva


Texto completo:

PDF

Referências


BERLEZA, A.; HAEFFNER, L. S. B.; VALENTINI, N. C. Desempenho Motor De Crianças Obesas: Uma Investigação Do Processo E Produto De Habilidades Motoras Fundamentais. Rev. Bras. Cineantropom. Desempenho Hum. v. 9 n.2 p. 134-144 2007

CAÇOLA, P.; LADEWIG, I. A utilização de dicas na aprendizagem da Ginástica Rítmica: Um estudo de revisão. Lecturas: Educación Física y Deportes, v. 82, abr. 2005. Disponível em: http://www.efdeportes.com. Acesso em 25 jun. 2009.

CLAESSENS, A. L. et. al. The contribution of anthropometric characteristics to performance scores in elite female gymnasts. J Sports Med Phys Fitness. v. 39 n. 4 p. 355-60. 1999

Di CAGNO, A. et. al. Factors influencing performance of competitive and amateur rhythmic gymnastics - Gender differences. Journal of Science and Medicine in Sport. v.12, p. 411–416, 2009

DOUDA et. al., Application of Ratings of Perceived Exertion and Physiological Responses to Maximal Effort in Rhythmic Gymnasts. International Journal of applied Sports Sciences. Vol. 18, No. 2. p.78-88, 2006

DUCLÓS. L. C. Avaliação e Controle de Treinamento em Ginástica Rítmica: um

estudo de caso. 2008. 79 p. Monografia, Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis. Jun. 2008.

GALLAHUE, D. L.; DONNELLY, F. C. Educação física desenvolvimentista para todas as crianças. 4. ed. São Paulo: Phorte, 2008. 725 p.

GALLAHUE, D. L.; OZMUN, J. C. Compreendendo o Desenvolvimento Motor: Bebês, Crianças, Adolescentes e Adultos - Ed. Phorte 3ª edição 2005

GONÇALVES, L. A. P.; BARROS FILHO, A. A.; GONÇALVES, H. R. Características antropométricas de atletas de ginástica rítmica. Arq. Ciênc. Saúde Unipar, 2010; 14(1): 17-25.

LAFFRANCHI, B. Treinamento Desportivo aplicado a Ginástica Rítmica. Paraná, Unopar, 2001.

MAESTRI, M.; FIAMONCINI, R. L. Perfil Antropométrico de Crianças na idade de 8 à 10 anos. Revista Digital - Buenos Aires - Ano 11 - n. 97 - Jun. 2006. Disponível em: Acesso em: 17 out. 2010.

MELLO, E. D.; LUFT, V. C.; MEYER, F. Obesidade infantil: como podemos ser eficazes?. J. Pediatr. (Rio J.) vol.80, n.3, pp. 173-182. 2004.

MENEZES, L. S.; FERNANDES FILHO, J. Indetificação e comparação das características dermatoglíficas, somatotípicas e qualidades físicas básicas de atletas de GRD de diferentes níveis de qualificação esportiva. Fitness & Performance Journal, v.5, nº6, p.393-401, 2006

NEDIALKOVA, G.; SOARES, A.; BARROS, D. Ginástica Rítmica: em busca de novos talentos. Petrópolis: Portal Literário, 2006. 94 p.

PARM, A. et. al. Relationships between Anthropometric, Body Composition and Bone Mineral Parameters in 7-8-year-old Rhythmic Gymnasts Compared with Controls

Coll. Antropol. v. 35 nº 3 p.739–745 2011

PETRY, R. Análise do deslocamento vertical de quatro saltos realizados por praticantes de ginástica rítmica em diferentes fases do treinamento. 2008. 123 p. Dissertação (Mestrado em Ciências do Movimento Humano) - Universidade do Estado de Santa Catarina, Florianópolis, 2008.

RAMOS, M.; STEIN, L. M. Desenvolvimento do comportamento alimentar infantil. J. pediatr. Rio J. v.76 (Supl.3): p.229-237. 2000

RÓBEVA, N.; RANKÉLOVA, M. Escola de Campeãs: G.R.D. Tradução Geraldo de Moura. São Paulo, Ícone, 1991.

ROMANI, S. A. M.; LIRA, P. I. C. Fatores determinantes do crescimento infantil. Rev. Bras. Saude Mater. Infant., vol.4, n.1, pp. 15-23. 2004.

SALVE, M. G. C. Estudo Sobre o Peso Corporal e Obesidade. Revista Digital - Buenos Aires - Ano 10 - n. 89 - Out. 2005. Disponível em: Acesso em: 12 out. 2010.

SORIC, M.; MISIGOJ-DURAKOVIC, M.;PEDISIC, Z. Dietary Intake and Body Composition of Prepubescent Female Aesthetic Athletes. International Journal of Sport Nutrition and Exercise Metabolism v. 18 p. 343-354 2008

STADNIK, A. M. W. Avaliação da perfomance relacionada aos componentes equilíbrio, força e flexibilidade de meninas praticantes de ginástica rítmica. Revista Digital - Buenos Aires - Ano 15 - Nº 145 - Jun. 2010. Disponível em: Acesso em: 21 out. 2010

VANKOV, I. Sistema za control, otzenca i optimizatzia na fizichescata podgotovia u hudojestvenata gimnastica ot 6-19 godistina vazrast. Izd: BSFS, 1983.

VIEBEG, R. F., et al. Estudo Antropométrico em Ginastas Rítmicas Adolescentes. Revista Digital - Buenos Aires - Año 11 - N° 99 – Ago. 2006

VIEBIG R. F., POLPO A. N., CORREA P. H. Ginástica rítmica na infância e adolescência: características e necessidades nutricionais. Lecturas: Educación Física y Deportes, n. 94, mar. 2006. Disponível em: http://www.efdeportes.com. Acesso em 25 jun. 2009.

VIEIRA, J. L. L. et. al. Distúrbios de Atitudes Alimentares e Distorção da Imagem Corporal no Contexto Competitivo da Ginástica Rítmica. Rev Bras Med Esporte. v. 15, n. 6 Nov/Dez, 2009a

VIEIRA, J. L. L. et. al. Distúrbios de atitudes alimentares e sua relação com o crescimento físico de atletas paranaenses de Ginástica Rítmica. Motriz, Rio Claro, v.15, n.3, p.552-561, jul./set. 2009b

WALTRICK, A. C. A.; DUARTE, M. F. S. Estudo Das Características Antropométricas De Escolares De 7 A 17 Anos - Uma Abordagem Longitudinal Mista E Transversal Rev Bras Cineantropom Desempenho Hum. v.2, n.1, p. 17-30. 2000

WANG, Y.; MONTEIRO, C.; POPKIN, B. M. Trends of obesity and underweight in older children and adolescents in the United States, Brazil, China, and Russia. Am J Clin. Nutr. v.75 p.971–977. 2002

WORLD HEALTH ORGANIZATION - Growth reference data for 5-19 years. Disponível em: Acessado em: 13 dez. 2010