A revista não está aceitando submissões neste momento.

Condições para submissão

Como parte do processo de submissão, os autores são obrigados a verificar a conformidade da submissão em relação a todos os itens listados a seguir. As submissões que não estiverem de acordo com as normas serão devolvidas aos autores.
  • O texto possui título, resumo e palavras-chave em português e em inglês.
  • A contribuição é original e inédita, e não está sendo avaliada para publicação por outra revista.
  • Os arquivos para submissão estão em formato Microsoft Word, OpenOffice ou RTF. URLs para as referências foram informadas quando disponíveis.
  • Todos os endereços de páginas na Internet (URLs), incluídas no texto (Ex.:http://www.mackenzie.br) estão ativos e prontos para clicar.
  • O texto segue os padrões de estilo e requisitos bibliográficos descritos em Submissões Online, na seção Sobre a Revista.

  • A identificação de autoria deste trabalho foi removida da opção Propriedades no arquivo Word, garantindo desta forma o critério de sigilo da revista, caso submetido para avaliação por pares (ex.: artigos), conforme instruções disponíveis em Diretrizes para autores.

Diretrizes para Autores

 

 

NORMAS PARA PUBLICAÇÃO NA REVISTA

CIÊNCIAS DA RELIGIÃO – HISTÓRIA E SOCIEDADE

 

**ATENÇÃO: Como parte do processo de submissão, os autores são obrigados verificar a conformidade da submissão em relação a todos os itens listados a seguir. As submissões que não estiverem de acordo com as normas serão devolvidas aos autores.

 

Para assegurar a integridade da avaliação por pares cega, para submissões à revista, deve-se tomar todos os cuidados possíveis para não revelar a identidade de autores e avaliadores entre os mesmos durante o processo. Isto exige que autores, editores e avaliadores (passíveis de enviar documentos para o sistema, como parte do processo de avaliação) tomem algumas precauções com o texto e as propriedades do documento:

  1. Os autores do documento excluiram do texto nomes, substituindo com "Autor" e o ano em referências e notas de rodapé, em vez de nomes de autores, título do artigo, etc.
  2. Em documentos do Microsoft Office, a identificação do autor deve ser removida das propriedades do documento (no menu Arquivo > Propriedades), iniciando em Arquivo, no menu principal, e clicando na sequência: Aqruivo > Salvar como... > Ferramentas (ou Opções no Mac) > Opções de segurança... > Remover informações pessoais do arquivo ao salvar > OK > Salvar.

Em PDFs, os nomes dos autores também devem ser removidos das Propriedades do Documento, em Arquivo no menu principal do Adobe Acrobat.

A avaliação de artigos entregues à Revista Ciências da Religião inclui sua adequação às seguintes normas:

1. Apresentação

 

Os textos do artigo devem ter no mínimo 10 e no máximo 22 páginas, com entrelinha 1,5. O artigo deve ser digitado, no editor de textos Word for Windows versão mais recente, fonte Times New Roman, corpo 12, alinhamento justificado. Após a entrega para avaliação não serão aceitas novas correções, no texto, por parte do autor.

 

2. Sequência da apresentação

 

a) título do artigo em português;

 

b) Título do artigo em inglês;

 

c) resumo e cinco palavras-chave;

 

d) texto em conformidade com o item 1;

 

e) relação das referências bibliográficas utilizadas;

 

f) abstract e cinco keywords.

 

3. Referências bibliográficas

 

A relação de referências deverá ser apresentada em ordem alfabética, conforme normas da ABNT NBR 6023, sistema alfabético autor, data, página para artigos. Quando o autor de resenhas fizer menção a outro autor que não o da obra analisada, é necessário acrescentar as informações completas tais como: cidade, editora, data de publicação, entre parênteses.

 

Exemplos:

 

· Livros no todo:

 

GOMES, Luis Carlos. Novela e sociedade no Brasil. Niterói: EdUFF,1998.

 

· Partes de livros (Capítulo de uma coletânea):

ROMANO, Giovanni. Imagens da juventude na era moderna. In História dos jovens 2. LEVI, G.; SCHMIDT, J. (Org.). São Paulo: Companhia das Letras, 1996. p. 7-16.

 

 

· Artigos de periódicos:

 

GURGEL, C. Reforma do Estado e segurança pública. Política e Administração, Rio de Janeiro, v. 3, n. 2, p. 15-21, set. 1997.

 

 

4. Notas de rodapé

 

As notas de rodapé devem resumir-se a notas explicativas, e somente em casos em que sua inserção no texto causará uma interrupção intensa na leitura. Jamais inserir referências bibliográficas em notas de rodapé.

 

5. Citações com até três linhas

 

Citações com até três linhas serão incluídas no texto, entre aspas, no próprio parágrafo que faz referência ao autor em questão, com sua identificação entre parênteses (AUTOR, ano da publicação, página).

 

Exemplos:

 

· Com referência anterior à citação: Segundo Moscovici (1978, p. 5), "Foi Durkheim o primeiro a propor a expressão ‘representação coletiva'".

 

· Com referência posterior à citação:

 

O catolicismo, com seu forte elemento monástico, representava para Gibbon "a forma socialmente mais demolidora da religião" (HILL, 1976, p. 42).

 

6. Citações com mais de três linhas

 

Citações com mais de três linhas terão destaque, sendo recuadas em 4,0 cm, da esquerda para direita, com espaçamento simples e fonte tamanho 10, sem aspas, seguidas da respectiva fonte, conforme o padrão descrito no item 5. As supressões de texto são indicadas com colchetes.

 

Exemplos:

 

· Com referência anterior à citação:

 

Segundo Estés (1997, p. 131):

 

Às vezes, com o objetivo de aproximar uma mulher da natureza da vida-morte-vida, eu lhe peço que cuide de um jardim. [...] O jardim é um vínculo concreto com a vida e a morte. Seria mesmo possível dizer que existe uma religião dos jardins, pois eles nos ensinam profundas lições espirituais e psicológicas. Qualquer coisa que possa acontecer a um jardim pode acontecer à alma e à psique - excesso de água,falta de água, pragas, calor, tempestades, enchentes, invasões, milagres, ressecamento, reverdecimento, bênçãos, cura.

 

· Com referência posterior à citação:

 

Outra maneira de induzir o leitor a uma compreensão correta das personagens é por meio do recurso de "contar" ou "mostrar".

 

Ao mostrar (também chamado de "método dramático"), o autor meramente apresenta suas personagens falando e agindo e deixa que o leitor infira quais são as motivações e disposições que estão por trás do que dizem e fazem. Ao contar, o autor intervém de modo autoritário para descrever, e geralmente avaliar, os motivos e disposições de suas personagens (ABRAMS, 1971, p. 21).

 

7. Artigos retirados da Internet

 

A referência a estes artigos será inclusa na relação de referências bibliográficas. A data de acesso deve sempre ser indicada.

 

Exemplos:

 

· Com indicação de autoria:

 

WALKER, Janice R. MLA-style citations ofeletronics sources. Disponível em: www.mackenzie.br. Acesso em 4 set. 1995.

 

· Sem indicação de autoria:

 

PREFACE to representative poetry on-line version 2.0. Disponível em www.usp.br. Acesso em: 17 jan. 1997.

 

8. Destaques feitos pelo autor

 

A Editora Mackenzie não utiliza negrito como destaque em suas publicações, devendo esse recurso ser substituído por aspas. O itálico deverá ser utilizado para palavras estrangeiras, inclusive latim.

 

 

 

 

 

Política de Privacidade

Os nomes e endereços informados nesta revista serão usados exclusivamente para os serviços prestados por esta publicação, não sendo disponibilizados para outras finalidades ou a terceiros.