DA INFÂNCIA POBRE AOS CAMPOS: A ASCENSÃO SOCIAL DE JOGADORES DE FUTEBOL PROFISSIONAL

Carlos Eduardo Senareli Teixeira

Resumo


Esta pesquisa tem o objetivo de analisar o discurso de jogadores de futebol, em atividade, que emergiram socialmente, mediante a prática profissional desse esporte, para tentar identificar se há relação entre suas atitudes e o fato de eles serem oriundos de famílias com baixa renda. A metodologia utilizada foi a técnica de análise documental de conteúdo. Optou--se pela interpretação de reportagens da fonte primária revista Placar. A
partir do levantamento das revistas citadas, foram selecionadas 19 entrevistas de jogadores de futebol profissional divididas nas seguintes categorias: ascensão social; mau comportamento dentro e fora de campo; bom comportamento dentro e fora de campo. Nota-se por meio da análise que não existe qualquer relação entre o comportamento dos jogadores de futebol entrevistados pela revista Placar e o fato de eles serem oriundos de famílias humildes.
Palavras-chave: cultura; esporte; futebol.


Texto completo:

PDF