Nível de coordenação motora de escolares de 9 a 11 anos da Rede Estadual de Ensino da cidade de Florianópolis-SC

  • Pelozin Fernanda Universidade Federal de Santa Catarina
  • Folle Alexandra Universidade Federal de Santa Catarina
  • Collet Carine Universidade Federal de Santa Catarina
  • Botti Marise Universidade Federal de Santa Catarina
  • Nascimento Vieira do Juarez Universidade Federal de Santa Catarina

Resumo

O objetivo do estudo foi analisar o nível de coordenação motora de escolares, considerando sexo, idade, prática esportiva extra-classe e Índice de Massa Corporal (IMC). Participaram do estudo 145 escolares de 09 a 11 anos, da rede estadual de ensino de Florianópolis/SC. Na coleta de dados foram utilizadas medidas antropométricas e foi aplicado o teste de coordenação motora para crianças (KTK). O teste qui-quadrado, contido no pacote SPSS for Windows versão 11.5, foi utilizado na análise estatística dos dados. Os resultados evidenciaram que os meninos apresentaram melhores níveis de coordenação motora do que as meninas. Além disso, constatou-se que as crianças e jovens com sobrepeso/obesidade revelaram níveis expressivos de baixa coordenação, sem encontrar associações com a idade e a prática esportiva.

Publicado
2010-02-22