Reprodutibilidade dos parâmetros do modelo de potência crítica em cicloergômetro

  • Fábio Yuzo Nakamura Universidade Estadual de Londrina
  • Nilo Massaru Okuno Universidade Estadual de Londrina
  • Lúcio Flávio Soares Caldeira Universidade Estadual de Londrina
  • Luiz Augusto Buoro Perandini Universidade Estadual de Londrina
  • Daniel Müller Hirai Universidade Estadual de Londrina
  • Patrícia Chimin Universidade Estadual de Londrina

Resumo

O presente estudo verificou indicadores de reprodutibilidade dos parâmetros do modelo de potência crítica (PC) em cicloergômetro. Participaram do estudo 20 jovens do sexo masculino. A PC e a capacidade de trabalho anaeróbio (CTA) foram estimadas a partir de quatro testes preditivos (TP-1). Após TP-1, as potências foram aleatoriamente apresentadas (TP-2) para o cálculo de reprodutibilidade. Análise de variância foi utilizada para comparar as medidas. O coeficiente de correlação intraclasse (CCI) foi utilizado para verificar a reprodutibilidade dos pares de valores. Não foram encontradas diferenças nas estimativas de PC e CTA em TP-1 e TP-2 (P > 0,05). Os valores do CCI mostram que a PC estimada apresenta elevada reprodutibilidade, enquanto que a CTA não apresenta o mesmo comportamento.

Publicado
2009-08-06