Fisiologia do exercício para estudantes de Educação Física: uma análise quantitativa de dois métodos de exposição de conteúdos

  • Emerson Franchini Universidade de São Paulo
  • Monica Yuri Takito Universidade de São Paulo
  • Rômulo Cássio de Moraes Bertuzzi Universidade de São Paulo

Resumo

Esse estudo comparou dois tipos de apresentação de conteúdos pertinentes à Fisiologia do Exercício para alunos de um curso de Educação Física. A avaliação foi constituía por oito afirmações sobre a programação e o desenvolvimento da disciplina, oito afirmações sobre a atuação do professor e seis afirmações sobre o aluno (auto-avaliação). Foram observados aumento (p < 0,05) do percentual de alunos que atribuíram escore quatro em cinco das oito afirmações sobre a programação e desenvolvimento, sete das oito questões sobre a análise do professor, embora apenas uma das afirmações (“nível de participação nas aulas”) da auto-avaliação tenha recebido maior percentual de escore quatro. Esses resultados indicam que a forma de apresentação dos conteúdos de Fisiologia do Exercício altera a percepção dos alunos de Educação Física sobre a programação e desenvolvimento da disciplina, sobre o professor e sobre o nível de participação nas aulas, mas altera pouco o desempenho na disciplina como um todo.

Publicado
2009-08-05